21 de março de 2021

BAHRAIN

 

O circuito Internacional do Bahrain é uma pista de automobilismo localizada a cerca de trinta quilómetros de Manama, a capital do Bahrain.
Salman bin Hamad Al Khalifa, o príncipe herdeiro, atual primeiro-ministro do Bahrain e presidente honorário do Bahrain Motor Federation, foi o grande impulsionador para a construção do circuito que teve início em 2002. 
O projeto, que foi financiado por empresas de investimento apoiadas pelo governo, ficou a cargo do arquiteto alemão Hermann Tilke que desenhou uma pista de 5.412 metros, com várias retas longas, ligadas por setores de velocidade média e lenta. Para a superfície da pista, que é bastante lisa, foi usado um aglomerado de grauvaque, enviado para o Bahrain da pedreira de Bayston Hill em Shropshire, Inglaterra. 
Construído no meio do deserto, em dezassete meses, os organizadores depararam-se com o problema da areia invadir a pista, o que foi resolvido à base de cola para manter a areia ao redor do traçado no seu devido lugar. Outro aspeto importante para os organizadores foi abrigar os espectadores das altas temperaturas ambientais e não é por acaso que todas as bancadas são cobertas.
O circuito, que foi inaugurado em 2004, tornou-se em 2007, o primeiro autódromo de Grande Prémio distinguido com o prémio FIA Institute Center of Excellence. Devido aos altos padrões de segurança e às excelentes instalações médicas.
No dia 4 de Abril de 2004, O circuito Internacional do Bahrain recebeu pela primeira vez uma prova do Campeonato do Mundo de F1. Michael Schumacher em Ferrari, dominou por completo e obteve a pole-position, a volta mais rápida e conquistou a vitória na corrida.
Nos dois anos seguintes, foi o espanhol Fernando Alonso que venceu a prova, assim como em 2010. Em 2007 e 2008, Felipe Massa levou a melhor sobre todos os outros. No ano de 2009, Jenson Button foi o vencedor.
Em 2011, o Grande Prémio do Bahrain deveria inaugurar a temporada de F1, mas a corrida acabou por ser cancelada devido a uma onda revolucionária de manifestações e protestos que ocorreram no Oriente Médio e no Norte da África, contra a ditadura dos países árabes e que ficou conhecida como “Primavera Árabe”.
O Grande Prémio do Bahrain voltou a realizar-se em 2012 e teve como vencedor o alemão Sebastian Vettel, que ganhou também em 2013, 2017 e 2018. Lewis Hamilton sucedeu a Vettel e conquistou a vitória em 2014, 2015, 2019, 2020 e 2021. Pelo meio, Nico Rosberg ganhou a prova em 2016. 
Ainda em 2020 e uma semana após a realização do Grande Prémio do Bahrain, disputou-se no mesmo circuito, mas no traçado externo de 3.543 metros, o Grande Prémio de Sakhir. Valtteri Bottas conseguiu a pole-position, mas a grande figura da corrida foi o britânico George Russell, que substituiu Lewis Hamilton na Mercedes, e que esteve perto de conquistar o seu primeiro triunfo na F1, mas devido a um furo ofereceu a vitória a Sergio Perez em Racing Point. O que foi a primeira vitória do piloto mexicano e também da equipa inglesa.
Em 2022, a pole-position, volta mais rápida e vitória foi conquistada pela Ferrari, através d oseu piloto Charles Leclerc.
Entre 2004 e 2022 o Circuito Internacional do Bahrain recebeu 19 provas de F1. Lewis Hamilton com 5 vitórias é o recordista. A Ferrari com 7 triunfos é a equipa mais vitoriosa. 

Sem comentários: