6 de maio de 2020

MÓNACO


O Circuito de Mónaco é um circuito citadino nas ruas de Monte Carlo e de La Condamine, em torno do porto do principado do Mónaco.
Foi Antony Noghés, presidente do Automobile Club de Monaco e amigo pessoal da família Grimaldi, quem teve a ideia de fazer uma corrida de automobilismo nas ruas do principado monegasco.
No dia 14 de Abril de 1929 foi então disputado o primeiro Grande Prémio do Mónaco. A corrida teve 100 voltas e foi ganha pelo britânico William Grover-Williams em Bugatti, que precisou de 3 horas, 56 minutos e 11 segundos para terminar.
São precisas seis semanas para se fazer a montagem de tudo o que envolve a prova, desde bancadas, boxes, barreiras de proteção e depois três semanas para a desmontagem. Por ser um circuito estreito, é o mais exigente da temporada de F1, e o mais pequeno erro do piloto quase sempre acaba em abandono da corrida. A curva do Hotel Loews é a mais apertada de todas as pistas da Formula 1, onde os monolugares são obrigados a passar a certa de 50 km/h.
O desenho atual do circuito é praticamente o mesmo da versão original. A partir de 1963 o ponto de partida e chegada passou para a reta Boulevard Albert I. Em 1973 com a construção das piscinas, foram introduzidas quadro pequenas curvas e ainda a curva La Rascasse. No ano de 1976 a curva que dá acesso à reta da meta, a Antony Noghés, foi ligeiramente alterada. Em 1986 a chicane do porto teve uma pequena modificação. Já em 2003 foram alargadas as curvas da zona das piscinas.
Em 1950 foi disputado o primeiro Grande Prémio do Mónaco a contar para o Campeonato do Mundo de Formula 1. Juan Manuel Fangio em Alfa Romeo foi o vencedor da prova.
Nos anos de 1951, 1953 e 1954, a corrida não se realizou. Em 1955 voltou a ser disputada a prova e a partir dessa data nunca deixou de fazer parte da temporada de F1.
O Grande Prémio do Mónaco já se disputou por 67 vezes. 35 pilotos venceram a prova, enquanto que 17 equipas triunfaram nas ruas do principado. A McLaren é a recordista com 15 vitórias, 6 consecutivas entre 1988 e 1993. Ayrton Senna é o piloto que mais vezes triunfou no Mónaco, com 6 vitórias conquistadas, sendo 5 consecutivas entre 1989 e 1993.

1 comentário:

Por Dentro dos Boxes disse...

É um GP charmoso. Eu gosto. E quanto aos brasileiros, muitos "bateram na trave" mas somente o Senna triunfou por lá.